thumbnail
APOIO

O Porto nos espera

    O Porto é uma cidade cinematográfica.
Cada rua, ladeira, ribeira, igrejas e tantos outros lugares desta cidade dariam um belo cenário para um filme.
Localizada no norte de Portugal, tem pouco mais de 200 mil habitantes e pode surpreender o turista em vários sentidos: históricos, arquitetônicos, gastronômicos e musicais.
Um dos lugares mais cativantes de Portugal, onde o visitante sempre quer voltar, pela simpatia com que é recebido pelos moradores, segurança e belezas naturais.



     O Rio Douro corta a cidade, que tem de um lado a ribeira do Porto e, do outro, a Vila Nova de Gaia, o que só aumenta a beleza do lugar, com imagens de tirar o fôlego e os lindos casarios, onde não faltam ladeiras charmosas com roupas penduradas nas janelas e sacadinhas.
Parece exagero? Então pegue uma das ruas que desembocam na ribeira e me conte depois o que encontrou.
     No outro lado do rio Douro estão as caves de vinho do Porto, que podem e devem ser visitadas - e não deixe de experimentar essa delícia portuguesa.
Para aqueles que não apreciam o vinho do Porto existem restaurantes, o passeio de teleférico e, com certeza, o mais belo de tudo, que é a vista da ponte Luis I, que merece um “click” do turista. 
     Quando falamos de belezas do Porto, não podemos deixar de lembrar a livraria Lello e Irmão, considerada por muitos como uma joia da Art Nouveau.
Foi eleita por jornais e especialistas da Europa a terceira livraria mais bela do mundo.
A escadaria que leva ao piso superior é magnífica e a enorme claraboia com os vitrais que têm o nome e o lema da biblioteca são algumas das surpresas que estão reservadas para o visitante.
Além de toda beleza arquitetônica, a livraria também reserva raridades da literatura para seus leitores.
As fotos são permitidas no local, mas somente entre 8h30min e 10 horas. 



     As fachadas revestidas de azulejos são uma característica portuguesa e, no Porto, estão presentes nas igrejas e casas, mas o interior da Estação de São Bento é um dos lugares mais belos, com imensos painéis de azulejos de Jorge Colaço.
Você tem que abrir um tempinho na agenda e visitar a Estação.
Aproveite a viagem e conheça as igrejas barrocas, com talhas douradas em seu interior.
Uma dica é a igreja de São Francisco, com arquitetura gótica do século 14.
     A primeira coisa que observo quando chego a alguma cidade é a cor do lugar.
No Porto o que me encantou foi o colorido do casario.
Encontramos prédios antigos com aquele tom mais acinzentado, mas temos ao lado disso os sobrados com suas cores fortes e, logicamente, flores nas janelas, pois a maioria das casas portuguesas tem um vaso de flores.
Observe.
     Se você estiver no Porto com tempo para visitar a cidade, uma dica são os ônibus “Double decker” de turismo, que dão direito ao passageiro de subir e descer quantas vezes quiser, em pontos determinados no trajeto.
Eles oferecem uma vista privilegiada de alguns pontos turísticos.
É uma opção totalmente turística, mas lembre-se que você esta fazendo turismo.
    A gastronomia do Porto é variada, o visitante pode optar por pratos típicos de Portugal, que encontra na ribeira e nas ruas do centro histórico da cidade.
Existem outras opções, sim, a cidade tem um amplo leque delas, que podem variar da comida japonesa até a brasileira.
Mas, se o roteiro incluir uma caminhada na rua Santa Catarina, não deixe de visitar o Majestic Café, ambientado em uma construção Art Nouveau, que com certeza irá lhe remeter à confeitaria Colombo, no Rio de Janeiro.  



     Poderíamos enumerar muitas outras belezas arquitetônicas, históricas e gastronômicas desta cidade portuguesa, mas deixo para você.
Conheça o Porto, seus casarios, a noite e esta gente tão pitoresca. 


Por Kitta Tonetto 

 


Facebook


Voltar
DESTAQUES